Imprimir esta página

Times de Osasco perdem e Audax pode entrar na zona de rebaixamento

Escrito por  Leonardo Abrantes

Foto: Lucas Straioto/AudaxO futebol de Osasco caminha a passos largos para a quarta divisão do Campeonato Paulista. Neste sábado (9), Audax e Grêmio Osasco entraram em campo pela sexta rodada da Série A3 e, derrotados, ambos por 3 a 2, estão cada vez mais próximos da zona de rebaixamento. Um deles, o Audax, pode até terminar a rodada no Z2, dependendo dos resultados de Taboão da Serra e São Carlos. Em seis rodadas, o vice-campeão paulista de 2016 ainda não venceu.

 

Pressionado pelos maus resultados, o Audax foi a Porto Feliz encarar o vice-líder Desportivo Brasil. Em busca de sua primeira vitória na competição, o time de Osasco abriu o placar com Danrley Marreta aos 15 minutos do primeiro tempo. Ainda na primeira etapa, porém, os donos da casa igualaram o marcador com Lucas Douglas aos 21.

 

No segundo tempo o Audax voltou a ficar à frente do placar e flertou com a vitória depois que Pablo marcou o segundo aos 14 minutos. Mas quando a primeira vitória parecia apenas uma questão de tempo, tudo foi por água abaixo. Aos 49, Marcelo Campanholo deixou tudo igual e dois minutos depois, Alex Nemetz marcou o terceiro do Desportivo Brasil, dando números finais ao marcador.

 

Com a derrota, o Audax se mantém com 4 pontos, ainda na 13ª colocação. A situação que já é delicada pode piorar, a depender dos resultados do complemento da rodada. Com 3 pontos, o Taboão da Serra, 14º, entra em campo neste domingo (10) contra o lanterna Olímpia. Na zona de rebaixamento com 2 pontos, o São Carlos encara neste sábado o Capivariano. Se os dois vencerem, o Audax terminará a rodada na zona de rebaixamento.

 

O Grêmio Osasco, por sua vez, só não entrará na zona de degola porque tem exatamente o Audax logo atrás. Também capengando no campeonato, o time que, no momento, apenas manda seus jogos no estádio José Liberatti, mas mantém sua base em Hortolândia, no interior de São Paulo, foi derrotada em casa pelo Monte Azul. Lucas, de falta, abriu o placar para os visitantes aos 20 minutos do primeiro tempo. Aos 36, Guly empatou para o Grêmio Osasco.

 

No segundo tempo, o GEO virou com Bruninho, aos 8 minutos, mas Téssio aos 15 e Caio Martins, novamente de falta aos 20, definiram a vitória do Monte Azul. O revés manteve o Grêmio Osasco na 12ª posição com 4 pontos. Em seis jogos, o GEO perdeu quatro.

Avalie este item
(0 votos)